Ômega 3 - Alimentação Saudável

 

Você sabia que a alimentação pode trazer benefícios para o seu corpo, e por sua saúde mental, o que ela pode fazer?...

 

 

Estudos mostram que os ácidos graxos poli-insaturados (ômega-3) tem seus efeitos relacionados com a prevenção e tratamento de doenças inflamatórias gastrointestinais, doenças cardiovasculares, infecções, lesões e alterações imunológicas. Porém um assunto pouco comentado é a interferência do ômega-3 também no estado emocional.

 

             Os ácidos graxos eicosapentaenoico (EPA) e ácido docosa-hexaenoico (DHA) são dois tipos de ômega-3 e desempenham funções importantes e diferentes no funcionamento do cérebro.

 

A deficiência de DHA está associada aos distúrbios do humor e manifestações cognitivas da depressão. Já o EPA pode estar associado aos sintomas somáticos da depressão (sinais e sintomas corporais como problemas do sono, digestivos, sexuais, respiratórios e cardiovasculares).

 

A suplementação de Ômega-3 em períodos como gestação e lactação é muito importante para o desenvolvimento cerebral, reduzindo os riscos de deficiências cognitivas e psicopatológicas no adulto.

 

Estudos apontam ainda que uma dieta deficiente em ômega-3 está associada a sintomas de ansiedade.

 

Os ácidos graxos ômega-3 também apesentam benefícios nos seguintes distúrbios: Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade, Autismo, Transtorno Bipolar, Dispraxia, Transtornos Alimentares, Depressão pós-parto, Esquizofrenia e Ideação Suicida.

 

Para ter uma alimentação mais saudável procure ingerir alimentos in natura como vegetais e frutas, dê preferência para alimentos integrais, diminua a ingestão de carnes gordas, sal e açúcar, evite margarina, creme vegetal e gorduras Trans. 

 

 

Alimentos ricos em ômega-3 são:  Sementes de linhaça e nozes, óleo de soja, canola e linhaça, vegetais folhosos verdes, peixes de água fria como: salmão, truta, bacalhau e arenque.

 

 

Por Fernanda Piazza CRN 10/5161